AgRural estima que colheita de milho atinge 4,9% no Centro-Sul

Levantamento da consultoria AgRural mostra que a colheita do milho de segunda safra atingiu nesta semana 4,9% da área cultivada, em linha com a média dos últimos quatro anos (4,6%), mas defasada em relação aos 7,7% registrados na mesma época do ano passado.

Fernando Muraro, sócio-diretor da AgRural, comenta que o tempo nesta semana predominantemente favorável à colheita, mas observa que o atraso das lavouras do Paraná e a alta umidade do grão em Mato Grosso impediram um avanço maior dos trabalhos.

Ele explica que o maior atraso ocorre no Paraná, onde o plantio do milho foi realizado mais tarde, devido ao alongamento do ciclo da soja e às chuvas do início do ano, que atrapalharam a colheita da oleaginosa.

Além de haver poucas lavouras de milho prontas, as chuvas das últimas semanas dificultaram a perda de umidade do grão. No oeste paranaense, apenas áreas pontuais foram colhidas. A boa notícia para os produtores é que o frio intenso no último fim de semana não chegou a causar danos”, diz a AgRural.

Fonte: Revista Globo RuralFonte: Revista Globo Rural