Um Crime contra o Brasil

Categoria Geral - 20 de Março de 2017

Sou o Danilo Angst, ex-presidente de Crédito e Controles Internos do Banco do Brasil.
Abaixo reproduzo mensagem publicada por André Nogueira, que antes de ir para JBS foi executivo no BB.
Profissional competente e ética, que sabe o que fala.

Nos últimos dois dias, uma série de reportagens de mídias como CNN, WSJ, New York times e outros publicam o que seria o “escândalo da carne podre no Brasil”.

Como consequência da minha responsabilidade, conheço bem a produção de carnes nos EUA, Canadá, México, Europa, Austrália, Nova Zelândia e Brasil, e do meu ponto de vista, os fatos são:

– O Brasil é o líder mundial da exportação de carne de boi e frango, consequência da qualidade dos milhares de produtores rurais, eficiência da indústria, controle sanitário e qualidade dos produtos;

– O Brasil exporta para mais de 100 países, entre eles os mercados mais exigentes em controle sanitário e de qualidade (EUA, Europa, Japão, etc.), que, para aprovarem o Brasil, enviam missões que auditam as fábricas. Os produtos exportados também são auditados para entrar nos mercados de destino;

– As fábricas que produzem os produtos para exportação, também produzem a mesma qualidade de produtos para o Mercado interno; portanto, posso afirmar que na absoluta maioria das plantas com selo do SIF (Serviço de Inspeção Federal), o brasileiro consome um produto de excelente qualidade e padrão dos mercados mais exigentes;

– A indústria de carne (boi, frango e suíno) gera milhões de empregos no Brasil, na sua massacrante maioria, gente séria, que trabalha duro para produzir um produto de qualidade e respeitado mundialmente;

– A indústria de carne gera mais de US$10 bilhões em exportações para o Brasil;

– Em dezenas de visitas que fiz com grupos de clientes e produtores de outros países em fábricas no Brasil, eles sempre ficaram impressionados com a qualidade;

– Numa investigação de 2 anos, numa indústria com mais de 2.800 fábricas, a PF confirmou irregularidades em 3 fábricas, 0.1% (nenhuma da JBS).

A irresponsabilidade de alguns agentes públicos e mídia pela generalização de alguns fatos isolados de qualidade de produtos é um crime contra o Brasil e um enorme desrespeito a milhões de pessoas que trabalham direta ou indiretamente no agronegócio brasileiro.

Certamente numa indústria tão ampla existem algumas empresas e indivíduos que intencionalmente burlam regras. Nos casos que acontecem aqui nos EUA, as empresas são investigadas e, se comprovado o problema, punidas. Mas jamais se permite colocar a reputação da indústria inteira e das empresas corretas em risco.

Caros amigos, como alguns de vocês sabem, trabalho na JBS há dez anos, moro nos EUA e estou responsável pela operação da América do Norte e Austrália, onde temos mais de 80 fábricas,  milhares de funcionários no nosso time, posição de liderança em cada Mercado que atuamos e somos reconhecidos pela qualidade dos nossos produtos.

Obrigado,

André Nogueira

Outros Artigos