Boi gordo: mercado enxuto e comprador

As programações de abate, de maneira geral, estão enxutas. O impacto disto tem sido indústrias ofertando preços maiores pelo boi gordo. 

Segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, por exemplo, a referência subiu 0,7% na última segunda-feira (17/6), em relação ao fechamento anterior e a arroba ficou cotada em R$151,50, à vista, livre de Funrural. 

No estado, as escalas de abate atendem a três dias. Na comparação semanal, a cotação do boi subiu 2,4%. 

Vale lembrar que estamos em plena segunda quinzena, período quando normalmente a demanda por carne diminui, o que causa pressão sobre os preços. 

A volta do embarque de carne bovina à China é o que tem dado fôlego para o mercado. 

Esse cenário deve permanecer ao longo da semana, tendo em vista que os estoques dos frigoríficos estão baixos

Fonte: Scot Consultoria