Fracos os embarques de frango da 1ª semana de agosto

Talvez o período – apenas três dias úteis – seja muito curto para alguma comparação ou indicação de tendência. De toda forma, as exportações de carne de frango in natura da primeira semana de agosto voltaram, pelo dados da SECEX/MDIC, a apresentar fraco resultado, com embarques de apenas 8.922 toneladas diárias, volume que representou queda de 55,22% sobre o mês anterior (19.923 toneladas/dia em julho último) e de 46,38% sobre o mesmo mês do ano passado (16.640 toneladas/dia em agosto de 2017).

Espera-se que esse resultado seja corrigido no decorrer do mês porquanto, mantida essa média nas outras quatro semanas de agosto (20 dias úteis), o volume de produto in natura embarcado no mês não irá muito além das 200 mil toneladas, sofrendo redução em torno dos 50% tanto em termos mensais como anuais.

Infelizmente, o preço médio do produto também continua em retrocesso. Não chegou, neste início de agosto, aos US$1.480,00 por tonelada. Assim, além de ficar quase 2% abaixo do valor médio registrado em julho passado, caiu perto de 9% em relação a agosto de 2017, correspondendo ao menor valor registrado em quase dois anos e meio de exportações.

Fonte: Aviste

Credito: Domínio Público/Pixabay