InfoCafé: Cotações

Infocafé de 24-06-2024
MERCADO INTERNO
BOLSAS N.Y. E B.M.F.
Sul de Minas R$1.455,00
R$1.395,00
 
Contrato N.Y.
Fechamento
Variação
Mogiano R$1.455,00
R$1.395,00
Setembro/2024 236,25 +11,25
Alta Paulista/Paranaense R$1.435,00 R$1.385,00 Dezembro/2024 234,25 +11,00
Cerrado R$1.455,00
R$1.405,00
Março/2025 232,80 +11,15
Bahiano R$1.435,00 R$1.395,00  
* Cafés de aspecto bom, com catação de 10% a 20%.
Contrato BMF
Fechamento
Variação
FUT 2025 6/7 15% cat Set
R$1.320,00 R$1.300,00 Setembro/2024  288,15  +13,65
FUT 2026 6/7 15% cat Set
R$1.320,00
R$1.300,00
Dezembro/2024  286,00  +14,65
Dólar Comercial: R$ 5,3904      

A Bolsa de N.Y. fechou em alta nesta segunda-feira (24). A posição setembro atingiu a máxima de +12,55 pts, fechando em +11,25 pontos.

Após os avanços recentes, o dólar emplacou nesta segunda-feira (24) a segunda sessão consecutiva de queda no Brasil, retornando para abaixo dos R$ 5,40, em movimento favorecido pela busca por moedas de maior risco em todo o mundo e com investidores à espera de divulgações importantes ao longo da semana. O dólar à vista encerrou o dia cotado a R$ 5,3904 na venda, em baixa de 0,94%, após ter atingido na quinta-feira passada o maior valor de fechamento em quase dois anos. Nos dois últimos dias úteis, a moeda norte-americana acumulou baixa de 1,31%. Fonte: Uol.

Os preços do café na segunda-feira subiram acentuadamente para os máximos em duas semanas. Os preços do café subiram na segunda-feira devido à preocupação de que condições mais secas do que o normal afetariam negativamente as colheitas de café do Brasil. A Somar Meteorologia informou na segunda-feira que a região de Minas Gerais no Brasil não recebeu chuva pela terceira semana da semana passada. Minas Gerais é responsável por cerca de 30% da safra de arábica do Brasil. 

Fonte: Mellão Martini