Avanço dos tratos culturais do algodão não enfrenta problemas

Agricultura - 21 de junho de 2018

Nesta quinta-feira (21), o inverno inicia-se com tempo aberto e seco em grande parte das regiões produtoras do país, o que é normal para essa época do ano. Nas áreas produtoras do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Maranhão, Tocantins, Piauí, Bahia e Pará não é previsto chuva ao longo dos próximos dias.

Apenas no extremo sul e faixa oeste do Mato Grosso do Sul será observado o aumento de nebulosidade no final de semana, devido a frente fria que irá avançar pela Região Sul do Brasil. No entanto, não deve ocorrer chuvas significativas. De maneira geral, em todas as áreas os tratos culturais, plantios e colheitas, principalmente da cana-de-açúcar, algodão e milho 2ª safra (que já está sendo iniciada nas diversas regiões do país), poderão avançar sem maiores problemas, uma vez que, além de não ter previsão de chuva, as temperaturas também estarão mais elevadas.

Na Região Sudeste o tempo também permanecerá aberto e sem chuva ao longo dos próximos dias. Assim, os trabalhos no campo, principalmente os de colheita de feijão, cana-de-açúcar, café e milho (que em São Paulo, já está sendo iniciada), poderão ser realizados sem problemas. Pode ocorrer apenas eventuais pancadas, principalmente em Minas Gerais e Espirito Santo, porém de forma isoladas e de baixa intensidade.

Já na Região Sul, uma nova frente fria avança já no primeiro dia de inverno e deve provocar chuva no Rio Grande do Sul ao longo do dia, além de queda nas temperaturas. Essa frente fria deverá se deslocar para o oceano, mais ainda irá provocar algumas chuvas em Santa Catarina. No entanto, no final de semana, o avanço de um novo sistema pela Região Sul irá provocar nova chuvas no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e faixas sul e leste do Paraná.

As chuvas, por um lado, continuarão favorecendo a manutenção dos níveis de umidade do solo, garantido boas condições ao desenvolvimento inicial das lavouras de inverno na região, bem como à preparação do solo para posterior plantio da nova safra. Por outro lado, essas mesmas chuvas, podem causar paralisações momentâneas dos trabalhos no campo. No Paraná, apesar da chuva ser de curta duração, podem atrapalhar momentaneamente os trabalhos de colheita do milho. Ressalta-se que as temperaturas devem cair em todo o Sul. No entanto, não há indícios de que ocorram geadas em regiões de lavouras nos próximos dias.

Fonte: Climatempo

Imagem Crédito: Fabiano Perina

Outras Notícias