Cooperativas agrícolas esperam forte aumento na safra de trigo alemã

Categoria Geral - 14 de março de 2019

A safra de trigo da Alemanha em 2019 aumentará 19,4 por cento em relação à produção do ano passado, para 24,20 milhões de toneladas, disse a associação alemã de cooperativas agrícolas em sua primeira previsão para a nova safra.

A safra alemã em 2018 foi drasticamente reduzida por uma seca e uma onda de calor, mas o inverno excepcionalmente ameno até agora ajudou as lavouras de trigo depois que a área semeada foi expandida, disse a DRV.

A Alemanha é o segundo maior produtor de trigo da União Europeia depois da França. A Alemanha também compete com a França pela posição de maior produtora de colza da UE, a principal oleaginosa da Europa para a produção de óleo comestível e biodiesel.

A associação prevê que a safra de inverno de colza da Alemanha em 2019 cairá 13 por cento na comparação anual, para 3,19 milhões de toneladas. A colza sofreu com o clima seco do outono, o que impediu algumas plantações planejadas.

“As safras de grãos chegaram ao meio ano de inverno sem danos significativos”, disse a DRV. “As indicações iniciais parecem boas para um desempenho sólido da safra de trigo neste ano.”

A safra de todos os tipos de grãos deste ano deve voltar à faixa média de cinco anos depois da safra especialmente ruim do ano passado, segundo a associação.

A safra de inverno de cevada, usada principalmente para ração animal, subirá 33,9 por cento ante a do ano passado, impactada pela seca, para 9,87 milhões de toneladas, estima a associação.

A safra de cevada de primavera, geralmente usada para produção de malte e cerveja, deverá cair 6,8 por cento no ano, para 2,05 milhões de toneladas. A safra de milho deve aumentar em 27,2 por cento, para 4,25 milhões de toneladas.

Fonte: Reuters


Outras Notícias