Exposição discute estratégias de manejo de pastagens

Pecuária - 2 de Março de 2018

A 3ª Exposição de novas tecnologias voltadas ao desenvolvimento da pecuária (Expopec) vai orientar como é possível maximizar recursos como solo, água, clima, plantas e animais para aumentar a produtividade dos sistemas pecuários. O assunto será abordado na palestra ‘Estratégias de manejo de pastagens’, que vai ocorrer no dia 23 de março, das 15h20 às 16 horas, no Parque de Exposição Hilton Monteiro da Rocha, em Porangatu (GO).

Segundo o palestrante Leandro Barbero, que é professor da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), a intenção é discutir assuntos como aumento da produção e colheita de pasto na fazenda, aumento da produção de arroba de carne nas propriedades e formas de colocar em prática os conceitos sobre manejo e adubação de pastagens. “Além é claro, de trazer resultados de pesquisas e fazendas comerciais que adotam o uso adequado do manejo e adubação de pastagens”, informa.

Ele explica que o uso de tecnologias simples e com baixo custo contribuem para aumentar a produtividade na pecuária. “A estratégia principal para o manejo da pastagem é colher bem o que se produz, seja alta ou baixa produção. Para isso algumas metas de manejo do pastejo serão abordadas. Cada capim deve ser manejado de uma forma específica. Cada um deles tem suas particularidades que devem ser respeitadas para o sucesso da atividade”, orienta.

Barbero enfatiza que as principais técnicas a serem utilizadas dizem respeito a quantificação do pasto e ajuste da taxa de lotação. “Isso pode ser feito por estimativa de massa de forragem na fazenda e alturas dos pastos. Da mesma forma, uso de forrageiras adaptadas a cada situação é fator chave para o sucesso da atividade. Além disso, o uso de estratégias de adubação para aumentar a produtividade dos pastos, pode ser fator decisivo quando se quer aumentar a produtividade das pastagens”, diz.

Leandro Barbero vai ministrar palestra sobre Estratégias de manejo de pastagens

Lleandro barbero

Desafios

Para aumentar a produtividade, é necessário ainda vencer alguns obstáculos. De acordo com o palestrante da Expopec 2018, hoje os principais erros cometidos pelos produtores são falta de reposição de nutrientes aos solos, uso inadequado da taxa de lotação nas pastagens, escolha inadequada da planta forrageira para cada situação e, principalmente, falta de planejamento forrageiro na fazenda. “É preciso ficar atento a tudo isso para conseguir aumentar os ganhos nas fazendas”, reforça.

Leandro Barbero é doutor e professor e faz parte da Diretoria de Experimentação e Produção Animal da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Expopec 2018

A novidade deste ano da Expopec 2018 é que a exposição terá espaço para a parte de aves também. O evento, considerado um dos principais do Centro-Oeste voltado para a cadeia produtiva da carne, tem o objetivo de divulgar e apresentar as tecnologias direcionadas ao aprimoramento da produção de carne bovina, de aves, ovina/caprina e suína, além de discutir e apresentar o que há de mais novo no mercado nacional e internacional. Para a edição de 2018, a expectativa é receber mais de 20 mil pessoas e superar o volume de negócios efetuados em 2017, quando foram registrados R$ 30 milhões. A realização é da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Goiás (Senar Goiás), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Goiás (Sebrae Goiás) e do Sindicato Rural (SR) de Porangatu.

Estão previstas palestras com renomados especialistas, técnicos e pesquisadores do segmento de pecuária no Brasil. Também vão ser realizadas oficinas e demonstrações, vitrine da carne, espaço para negócios, feiras de touros, exposição de animais, shopping de cavalos, capacitações, festival gastronômico e outras atividades. O público poderá conferir ainda o lançamento e a demonstração de novos produtos, equipamentos, máquinas e serviços.

Ficha Técnica

3ª Expopec

Data: 22 a 25 de março de 2018 (quinta a domingo)

Local: Parque de Exposições Agropecuárias ‘Hilton Monteiro da Rocha’

Endereço: Av. Brasília, Vila Rosa, Porangatu (GO)

Fonte: FAEG

Foto: Marco

Outras Notícias