Goiás deve alcançar R$ 59,07 bilhões no VBP da agropecuária de 2020

Agricultura - 14 de agosto de 2020

Atualização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento aponta aumento de 9,51% em relação a 2019, segundo atualização da previsão, com base nos dados do mês de julho

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2020, em Goiás, com base nos dados de julho, está estimado agora em R$ 59,07 bilhões. O valor representa aumento de 9,51% em relação a 2019. O VBP da Agricultura em Goiás está estimado em R$ 39,39 bilhões (aumento de 12,33%) e o VBP da Pecuária em Goiás deve alcançar R$ 19,68 bilhões (aumento de 4,28%). No Brasil, o VBP da agropecuária é estimado em R$ 742,43 bilhões, sendo o da Agricultura no valor de R$ 493,91 bilhões e o da Pecuária no valor de R$ 248,51 bilhões. Os dados são Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O VBP da Agricultura em Goiás teve crescimento nas culturas de arroz (R$ 97,16 milhões – aumento de 7,07% em relação a 2019); feijão (R$ 1,4 bilhão – aumento de 11,24%); milho (R$ 7,91 bilhões – aumento de 21,91%); soja (R$ 18,14 bilhões – aumento de 31,52%) e trigo (R$ 108,68 milhões – aumento de 49,55%). Também houve crescimento em relação às lavouras de banana (R$ 263,25 milhões – aumento de 3,72%); café arábica (R$ 174,31 milhões – aumento de 13,15%); e uva (R$ 6,91 milhões – aumento de 2,9%).

No VBP da Pecuária em Goiás o destaque ficou em relação a bovinos. O VBP está estimado em R$ 9,79 bilhões – valor que representa aumento de 12,87% em relação a 2019.

Segundo o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos de Souza Lima Neto, o crescimento do VBP da agropecuária em Goiás é reflexo dos números alcançados pelo agro, que se traduzem em retorno econômico e social, pela geração de emprego e renda. “Os altos níveis de produção e produtividade no Estado são frutos de investimentos por parte dos produtores em tecnologia e inovação, aliados a um bom momento climático no Estado e a uma política do Governo de Goiás de investimentos no setor. Esses fatores, junto aos cenários nacional e internacional, têm contribuído para uma boa precificação dos nossos produtos, com reflexos importantes para o retorno desse investimento. É com bons olhos que vemos esses dados, porque tudo isso gera riqueza e contribui sobremaneira com o social, como podemos verificar no alto índice de contratações do setor no Estado, que inclusive criou novos postos de trabalho”, analisa.

Indicador
O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) é um indicador de desempenho da agropecuária. É considerado também um indicador do faturamento. Com atualizações mensais, seu cálculo é efetuado para os estados e regiões brasileiras, com dados de 21 produtos de lavouras e cinco atividades da pecuária.

O VBP é obtido pela multiplicação da quantidade produzida pelo preço recebido pelo produtor. Como as estimativas de safras divulgadas mensalmente referem-se à previsão para o ano, a estimativa do VBP também é anual. Na pecuária, como as informações do IBGE são trimestrais, a cada três meses, são atualizadas as informações de quantidades.

A fonte de dados de produção é do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) do IBGE. Para os produtos da pecuária, a fonte também é o IBGE. Os preços são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, órgão da Universidade de São Paulo (Cepea – USP). Os valores reais são obtidos com o uso de IGP-DI da Fundação Getúlio Vargas.

Fonte: Seapa/GO


Outras Notícias