Nova estimativa da Bolsa de Buenos Aires estabelece safra de milho argentina em 34 mi t

Agricultura - 8 de Março de 2018

A Bolsa de Cereais de Buenos Aires (BCBA), em seu Panorama Agrícola Semanal (PAS), diminuiu novamente a sua estimativa para a safra de milho da Argentina, agora estabelecida em 34 milhões de toneladas – 5 milhões de toneladas a menos do que a safra anterior e 3 milhões de toneladas a menos do que a última estimativa.

O déficit hídrico das últimas semanas provocou uma queda nos potenciais de rendimento, diminuindo a projeção de produção do cereal. Contudo, a Bolsa destaca que é importante esperar a evolução do milho plantado no norte do país, que se encontra transitando etapas críticas de seu ciclo fenológico. Caso não chova nas próximas semanas, a expectativa de produção poderia ter uma nova queda.

Durante a última semana, a colheita de quadros de milho com destino comercial continuou no centro e no sul da área agrícola nacional. Até a data, 6,5% da superfície apta foi colhida, com um rendimento médio nacional de 6580kg por hectare. Em números absolutos, foram colhidos 350.000 hectares nas províncias de Buenos Aires, Córdoba, Santa Fe e Entre Ríos, com rendimentos abaixo das expectativas iniciais para os quadros que foram plantados mais cedo.

Fonte: Notícias Agrícolas

Outras Notícias