O papel do município no avanço de status sanitário é tema de live da Famurs com apoio do Fundesa-RS

Categoria Geral - 20 de novembro de 2020

O atual momento do Rio Grande do Sul, que aguarda o reconhecimento internacional como área livre de febre aftosa sem vacinação é tema do programa A Hora do Agro, que será realizado no dia 26 de novembro, às 14h, através do canal da Famurs no Youtube e Facebook.

A atração faz parte de uma série de lives que a Federação das Associações de Municípios do RS vem apresentando ao longo de 2020, abordando temas relacionados ao agronegócio gaúcho. O mediador é o coordenador da área de agricultura da entidade, Mário Nascimento, e os convidados são o presidente do Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal do RS, Rogério Kerber, a diretora do Departamento de Defesa Agropecuária da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Rosane Collares e o engenheiro agrônomo e produtor rural, Carlos Simm.

O objetivo do programa é abordar o papel do município no avanço de status sanitário. “Muitas medidas precisam ser lideradas pela Secretaria e Ministério da Agricultura, mas os municípios, pela proximidade com o produtor, têm papel fundamental nesta conscientização”, afirma Rosane Collares. “Este é o momento em que o pecuarista troca a vacina por outras atitudes, como observar melhor o rebanho e notificar qualquer suspeita, além de priorizar ações de biosseguridade e controle de trânsito”, destaca o presidente do Fundesa, Rogério Kerber. “Queremos dar nosso depoimento e ouvir o que está sendo feito para garantir segurança nesta transição”, explica Carlos Simm. Já Mario Nascimento aponta que este evento é um preparativo para o Fórum Estadual de Vigilância em Febre Aftosa, programado para 3 de dezembro, também por plataformas online.

Fonte: Thais D’Avila


Outras Notícias