Presidente do Sindicato Rural de Ijuí acredita em nova redução de área de trigo

Agricultura - 26 de Fevereiro de 2018

Baixo preço pago ao agricultor, altos custos de produção e problemas climáticos são fatores que devem influenciar para nova redução na área com trigo na safra deste ano na região de Ijuí. O presidente do Sindicato Rural Patronal de Ijuí, Ércio Eickhoff, acredita em diminuição de plantio num comparativo com 2017. Aliás, nos últimos anos a região Noroeste registra redução do cultivo de trigo. No ano passado, em Ijuí, foram 4 mil e 500 hectares com o cereal. Em 2016 tinham sido 6 mil hectares.

Ércio Eickhoff frisa que mesmo com dinheiro disponibilizado pelo governo federal, através do plano safra, isso não incentiva o produtor a investir no cereal. No momento, a saca de trigo é comercializada ao redor de 30 reais. Dependendo do investimento feito na lavoura, esse preço não paga os custos de produção.

Além disso, se houver quebra de rendimento, a situação fica ainda pior. Na safra passada, por exemplo, teve problemas climáticos e a média de produtividade de trigo em Ijuí ficou em 25 sacas por hectare.Em termos de comparação, existe necessidade de aproximadamente 50 sacas por hectare para cobrir os cursos de produção.

Fonte:  RÁDIO PROGRESSO DE IJUÍ

Imagem créditos: Divulgação

Outras Notícias