Um tripé de ações para garantir a competitividade no setor de suínos

Evento do Fundesa já tem 600 participantes confirmados
Seiscentos suinocultores, técnicos do serviço veterinário oficial e privado e representantes de indústrias e entidades já confirmaram presença no 1º Seminário Técnico da Suinocultura. O evento acontece durante a programação da Suinofest em Encantado na próxima sexta-feira (9). O encontro, uma promoção do Conselho Técnico Operacional da Suinocultura do Fundesa, traz três eixos principais focados em biosseguridade, bem-estar animal e uso prudente de antimicrobianos. Conforme o presidente do Fundo, Rogério Kerber, a expressiva presença de produtores é um reflexo da preocupação do setor da suinocultura com os temas. “A diretora geral da Organização Mundial de Saúde Animal, Monique Eloit, fez uma provocação sobre estes temas quando esteve em Porto Alegre. Decidimos levar o assunto adiante e a resposta dos produtores tem sido muito boa”, comemora.
Para Kerber, apostar em biosseguridade, bem-estar animal e uso prudente de antimicrobianos não requer altos investimentos, apenas uma mudança de postura do produtor. “Isso reflete em um melhor desempenho da produção, melhora a imunidade do plantel e proporciona mais qualidade no produto final”, afirma.
Para tratar sobre o tema da biosseguridade e do uso prudente de antimicrobianos, o Fundesa convidou especialistas como o pesquisador da Embrapa Nelson Mores e a coordenadora da Comissão sobre Prevenção da Resistência aos Antimicrobianos em Animais, AFFA Valéria Ferreira Homem. A resistência aos antibióticos é uma preocupação mundial já que reduz as possibilidades de tratamentos de enfermidades nos criatórios.
Já sobre bem-estar animal, foram convidados o pesquisador da Embrapa Osmar Dalla Costa, o consultor do Mapa, o consultor Cleandro Pazinato e a médica veterinária Charli Ludtke, que elaborou o Programa Nacional de Abate Humanitário no país. Esta última irá explicar de que forma os programas de bem-estar animal refletem em ganhos na produtividade e sanidade do rebanho.
Veja a programação completa abaixo:
9 junho 2017 | das 9h às 16h30
Auditório do Sicredi na Suinofest, em Encantado/RS
9:00 – 9:15 horas – Abertura
9:15 – 12:00 horas – Tema: BEM ESTAR ANIMAL NA SUINOCULTURA DA GRANJA AO FRIGORIFICO – Coordenação Méd. Vet. Nilo Chaves de Sá – Diretor Executivo ABCS
9:40 – 10:20 horas – Aspectos práticos para a implementação do BEA nas granjas
Palestrante: Dr. Cleandro Pazinato – Consultor
MAPA – Brasília
10:20 – 11:00 horas – Reduzindo as perdas durante o transporte e melhorando o BEA dos suínos
Palestrante: Dra. Charli Beatriz Ludtke – MAPA – Brasília
11:00 – 11:40 horas – Consequências do manejo pré-abate no frigorífico e na qualidade da carne suína
Palestrante: Dr. Osmar Dalla Costa – Pesquisador EMBRAPA Suínos e Aves
11:40 – 12:00 horas – Perguntas
INTERVALO ALMOÇO: 12:00 a 14:00 horas
14:00 – 16:30 horas – Temas: CRITERIOS MÍNIMOS DE BIOSSEGURIDADE E REDUÇÃO DO USO DE ANTIMICROBIANOS NA PRODUÇÃO DE SUÍNOS – Coordenação FEA Méd. Vet. Juliane Webster de Carvalho Galvani – Chefe PSS/DDA/SEAPI
14:00 – 15:30 horas – critérios mínimos de biosseguridade
Palestrante: Dr. Nelson Mores – Pesquisador EMBRAPA
15:30 – 16:15 horas – Plano de Ação Nacional para Prevenção e Controle da Resistência aos Antimicrobianos e Adequação das Fabricas de Rações para uso de medicamentos
Palestrantes: AFFA Valéria Stacchini Ferreira Homem – DSA/SDA/MAPA e AFFA Alejandra Muller – SEFIP/SFA-RS/MAPA
16:15 – 16:30 horas – Perguntas
Realização: Conselho Técnico Operacional da Suinocultura do FUNDESA. Apoios: ACSURS, FARSUL, FETAG, PSS/SEAPI, SSA/SFA-RS, SIPS, EMATER, FAMURS, INTEGRADORAS e SUINOFEST.