Inaugurado o primeiro empreendimento hoteleiro da Rota das Oliveiras

Categoria Geral - 12 de janeiro de 2021

Hospedagem, na Região da Campanha, é localizada em meio aos olivais

O ano começa com um impulso importante para o crescimento do olivoturismo no Rio Grande do Sul. Foi inaugurado oficialmente, nesta segunda-feira (11 de janeiro), o primeiro empreendimento hoteleiro da Rota das Oliveiras, roteiro voltado para o desenvolvimento do turismo rural associado à olivicultura. A Pousada Olival Vila do Segredo foi erguida em meio a um pomar de oliveiras, em Caçapava do Sul. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ernani Polo e o presidente do Instituto Brasileiro de Olivicultura (Ibraoliva), Paulo Marchioretto, entre outras autoridades prestigiaram a cerimônia, que foi restrita a poucos convidados, em respeito às orientações de distanciamento social.

A hospedagem, em estilo português e com terraço panorâmico com vista para a Serra do Segredo, conta com quatro suítes e uma casa-contêiner e oferece ao hóspede uma experiência gastronômica e cultural. Segundo o proprietário do empreendimento, Renato Fernandes, o investimento no complexo foi de R$ 3,5 milhões. Está situado às margens da ERS 357, no coração da Rota das Oliveiras, roteiro criado em 2019, a partir de um projeto de lei do deputado Polo. Integram a proposta mais de 20 municípios produtores de azeitonas e azeite de oliva de excelente qualidade. Segundo Polo, o empreendimento é um marco para o olivoturismo do Rio Grande do Sul. “É um segmento que tem um potencial muito grande de crescimento, pelas características que o nosso estado possui, na produção de oliveiras e azeites de oliva da mais alta qualidade, que estão ganhando os maiores concursos do mundo. O olivoturismo integra essa proposta e é uma integração perfeita com a natureza”, afirmou.

A região desponta como destino promissor para viagens de curta e média distância, que vêm registrando aumento de procura nos últimos meses e é uma excelente opção para quem se interessa em conhecer os atrativos naturais das diferentes localidades e seus produtos. Para o presidente do Ibraoliva, “a abertura do empreendimento é um marco no olivoturismo do Rio Grande do Sul, pois demonstra a confiança no crescimento e desenvolvimento da olivicultura. E é a coragem desses empreendedores que faz com que acreditemos num futuro grandioso para a olivicultura”.

Integram a Rota das Oliveiras os municípios de Bagé, Barra do Ribeiro, Cachoeira do Sul, Caçapava do Sul, Camaquã, Candiota, Canguçu, Dom Feliciano, Dom Pedrito, Encruzilhada do Sul, Formigueiro, Pantano Grande, Pinheiro Machado, Piratini, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santana do Livramento, São Gabriel, São Sepé, Sentinela do Sul, Vila Nova do Sul, São João do Polêsine, Restinga Seca e Hulha Negra.

Fonte: Agrourbano


Outras Notícias